sábado, 28 de maio de 2011

Quem são os verdadeiros sodomitas da atualidade?


Por Alexandre Feitosa

         Muitos mitos são construídos sobre pesados escombros, consequentemente, basta removê-los para que o alto edifício dos velhos e falsos conceitos caia por terra. O significado de sodomia que hoje lemos nos melhores dicionários não passa de produto de um equívoco que dura séculos e insiste em permanecer de pé: sodomia como sinônimo de homossexualidade. Como assim? Nossos filólogos estão todos equivocados? De certa forma, sim. Vejamos um exemplo, retirado do Dicionário de sinônimos e antônimos da Editora Melhoramentos, página 567:

         Sodomia sf pederastia, homossexualismo, homossexualidade, inversão.

         O equívoco deve-se a uma construção histórico-doutrinária muito antiga. Tudo começou há mais de 2000 anos, com o filósofo judeu-helenista Filo de Alexandria (25 a.C – 50 d.C). O relato de Filo é solitário em meio a tantos outros documentos. Ele é o único a mencionar atos homogenitais entre homens em Sodoma. Qual a base desse relato? Certamente Filo foi influenciado pela visão, comum na época, de que a única finalidade do sexo era a procriação. Juntando isso a uma leitura equivocada de Gênesis 19 não deu outra! Séculos mais tarde, Tomás de Aquino arrematou o equívoco, popularizando o termo “sodomita” como o praticante da sodomia, ou seja, sexo anal entre homens. Não há registros bíblicos de práticas genitoanais em Sodoma ou nas cidades circunvizinhas. O episódio relatado em Gênesis 19 não passou de uma tentativa frustrada de abuso, o que não reflete a realidade da homossexualidade enquanto orientação sexual.
         Você pode estar dizendo: “mas a própria Bíblia faz essa associação, está lá, em 1ª Coríntios”! Há uma grande diferença entre o que diz o texto original e o que dizem as traduções, muitas delas, repletas de erros. De fato, as traduções modernas utilizam tal termo, entretanto, tal vocábulo não encontra raízes etimológicas no hebraico gentílico, ou seja, sidom, o habitante ou natural de Sodoma. Um dos grandes problemas dos eruditos, pois não há consenso quanto ao significado original, o termo grego utilizado pelo apóstolo Paulo (em 1ª Coríntios 6.9 e 1ª Timóteo 1.10) não apresenta nenhuma relação com o gentílico hebraico, de modo que as traduções modernas baseiam-se em uma visão errônea do relato de Gênesis, reforçada por escassas interpretações antigas dos reais pecados dos sodomitas.
         Menções aos pecados de Sodoma são abundantes, tanto nos livros da Bíblia protestante, quanto nos livros deuterocanônicos – das edições católicas – isso sem mencionar os livros apócrifos e outras fontes históricas, todas elas concordando entre si com o que dizem as Escrituras, ou seja, nenhuma palavra sequer sobre homossexualidade.
         Então, o que, de fato, nos ensina a Bíblia sobre os sodomitas? Encontraríamos, na atualidade, comportamentos capazes de classificar alguém assim? Certamente. Lendo Gênesis 13.13; 19; Ezequiel 16.49; Isaías 1.10-17; Lucas 10.10-12, dentre outras passagens, perceberemos que os verdadeiros sodomitas são aqueles que praticam atos como assassinatos, injustiças, ódio ao estrangeiro, órfãos e viúvas – aqui representação das diferenças e das minorias desvalidas – falta de hospitalidade, soberba, orgulho, desamparo ao pobre e ao necessitado, arrogância, entre tantas outras coisas que Deus abomina. Os verdadeiros sodomitas da atualidade, segundo nos ensina a Bíblia, são todos aqueles que praticam essas e outras atrocidades.
         Se algum homossexual pratica atos de crueldade como os mencionados acima, teremos autoridade bíblica para classificá-lo como sodomita, agora, classificar alguém assim com base em sua orientação sexual é um grave erro, bíblico e semântico.
         Quando Deus exorta Israel em Isaías capítulo 1, traçando um paralelo entre este e Sodoma, está mostrando que os reais sodomitas são aqueles que dizem servi-lo com seus sacrifícios, holocaustos, ofertas e orações. O que isso nos ensina? Que os religiosos e legalistas da modernidade é que são os verdadeiros sodomitas, pois, com suas atitudes excludentes, mascaradas de amor e abnegação, oprimem as minorias, boicotam-lhes os direitos, lutam para perpetuar as injustiças, governam com parcialidade. Qualquer semelhança com nossos líderes religiosos, seus seguidores e representantes políticos, não é mera coincidência! 
 

Um estudo detalhado sobre esse tema pode ser lido em nosso livro


17 comentários:

  1. Bem que você poderia ter legendado a foto para o povo entender claramente quem são os sodomitas modernos que pulverizam nossas vidas com ideias tortas e muitas vezes destrutivas, gerando o ódio e a intolerância. Mas como a grande parte da população que enchem as igrejas tradicionais, não tem conhecimentos ficam sob o comando daquele maioral, quem sabe se as pessoas tivessem vontade de ler mais quem sabe elas poderiam tirar suas próprias conclusões e não tirar do forno algo já pronto que nem sabem o sabor e saem distribuindo. A alienação é algo que parece estar sempre na moda, a TV mostra nitidamente como o povo é maria vai com as outras, basta tal atriz se apresentar com um novo visual e as desvairadas correm para um salão para fazer igual, mas muitas delas não tem o cabelo apropriado para tal corte, mas mesmo assim elas querem porque suas coleguinhas já fizeram igual... e assim segue a humanidade, como bois em um curral, limitados e não buscam os campos verdes fora daquele cercado.

    ResponderExcluir
  2. Nossa como um conceito é seguido cegamente..passando de geração em geração.E tantos outros conceitos que nos cercam...quando será que isso vai mudar?A verdade é que as pessoas sempre querem o caminho mais fácil, é mais fácil ver uma pessoa na tv falando algo e acreditar do que se procurar entendimento por elas mesmas,em outros meios de comunicação,nossa quanto lixo a TV apresenta para o povo, o como o povo é alienado que ñ vê isso!E aceita engolir todo esse lixo,por puro comodismo. Aumentando a capacidade de fazer das pessoas marionetes cada vez mais. O curioso é que tudo os que os cristão lutavam contra na antiguidade,fazem o mesmo na atualidade contra as minorias,isso os torna muito contraditórios,se esse pais fosse cristão, seriamos mortos em praças,jogado para leões...Alguém duvida?Fico indignada com tudo isso.Mas Jesus está conosco,eu acredito Nele.

    Irmão alexandre, parabéns pelo texto,sempre nos enriquecendo com o conhecimento.Deus te abençoe!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Ale, como sempre, exalando conhecimento. Falando nisso, e essa história de mais um livro, Teologia inclusiva? Teremos mais um livro daqui alguns dias?

    Beijos

    Rick

    ResponderExcluir
  4. Olá, grande Ricardo!

    Exatamente! Estou trabalhando em um terceiro livro, em que abordarei os fundamentos da Teologia Inclusiva... Mas vai demorar um pouquinho, pois preciso investir na divulgação do segundo, né!?

    Abraços, querido e volte sempre!

    ResponderExcluir
  5. muito bom, mais eu quero provas históricas reconhecida por conselhos autorizados dessa sua teoria, não estou sendo Cético. estou sendo sincero de coração, mais eu preciso de provas concretas.

    fico muito grato.

    ResponderExcluir
  6. Olá, Verdade Esquecida (Se puder, gostaria de tratá-lo pelo nome!), tudo bem?

    Nosso próximo artigo é sobre Sodoma. Fique atento! Além de provas bíblicas (historicamente confiáveis!), apresentarei outras provas históricas. Mas, se você quer um estudo com profundidade bíblica e histórica (nosso espaço aqui é limitado), aconselho que adquira nosso livro "Bíblia e homossexualidade", disponível aqui mesmo no Blog para venda.

    Abraços e volte sempre!

    Alexandre Feitosa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rm 1:27 semelhantemente, também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua SENSUALIDADE uns para como os outros, VARÃO COM VARÃO, cometendo TORPEZA e recebendo em si mesmos a devida recompensa do seu ERRO.

      "isso significa que deixar o uso natural homem e mulher, preferindo se relacionar com o mesmo sexo é cometer algo errado, contrario a vontade de Deus"?

      Gl 5: 19 Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza, a lascívia, 20 a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as facções, as dissensões, os partidos,21 as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas, contra as quais vos previno, como já antes vos preveni, que os que tais coisas praticam não herdarão o reino de Deus.


      Significado de TORPEZA: Procedimento ignóbil, vergonhoso, SÓRDIDO.
      Indignidade, SORDIDEZ. (Sin.: torpitude.)

      Significado de IMPUREZA: Falta de limpeza, de asseio; SORDIDEZ.
      Coisa impura.
      Fig. Impudicícia, imoralidade: viver na impureza.

      Significado de LASCÍVIA: s.f. Propensão para a lubricidade, a luxúria.
      Libidinagem, SENSUALIDADE; cabritismo.
      fonte:http://www.dicio.com.br/

      "não seria comparável a “se inflamaram em sua SENSUALIDADE uns para como os outros”.

      Quero dizer que com isso não estou sendo homofóbica nem dizendo que vocês não podem ser ou agir assim pois: 1Co 6: 12 Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm. Todas as coisas me são lícitas; mas eu não me deixarei dominar por nenhuma delas.

      Notem que não estou usando minhas opiniões, apenas mostrando na bíblia e no dicionário o significa as palavras.

      Que o Espírito Santo possa renovar-vos. A paz.

      Excluir
    2. Olá, Sheila. Graça e paz, tudo bem?

      Obrigado por sua participação no Blog. Sugiro que leia o seguinte estudo sobre Romanos:

      http://teologiaeinclusao.blogspot.com.br/2011/07/conversa-franca-sobre-romanos-1.html

      Abraços e volte sempre!

      Pr. Alexandre Feitosa

      Excluir
  7. Resultado: Sodomia é perversidade, idolatria, peso injusto, iniquidade, exclusao do pobre e do oprimido, valorizaçao da aparencia em detrimento da essência, avareza, esquecer de Deus, querer se deus de si mesmo e dos outros!! Fácil esquecer disso tudo e centralizar na homoafetividade!!

    ResponderExcluir
  8. Alexandre, voce conhece a biblia versao TRADUÇAO DO NOVO MUNDO DAS ESCRITURAS SAGRADAS? Eu encontrei uma num sebo, (versao de 1961, com constante consulta ao aramaico, hebraico e grego) quando Deus já me havia começado a mostrar a cerca da homoafetividade.Ela veio parar na minha mão e aprendi muita coisa nela. Contraditoriamente, descobri que quem produziu foram os testemunhas de Jeová que tem doutrinas diferentes das nossas.

    Mas essa Bíblia por incrivel que pareça tem uma traduçao bem mais fiel que nos da condiçoes de fazermos relaçoes. Vale a pena conhecer.

    ResponderExcluir
  9. teologia traz muita dificuldades com relação a facilidade de entender o que Deus quer nos dizer.
    Então vamos lá, não começou com Filo,esta ideia se originou dos atos registrados nos primórdios dos tempos a palavra sodomita quer dizer cidadão de Sodoma sodomia
    (latim medieval sodomia, do latim Sodoma, -orum, topónimo [cidade palestiniana])
    s. f.
    Prática sexual em que há penetração do ânus com o pénis. = SODOMITISMO
    a palavra em questão esta explicita no que se refere a relação sexual mas concordo que entre outras praticas dos sodomitas estava a xenofobia.
    quando se diz não erreis abre já o sentido polemico do assunto. mas o que esta em jogo é a salvação e muita desinformação será que temos o direito de descaracterizar textos bíblicos por uma tradução de uma palavra e mais você buscou em uma palavra o sentido literal dos dias atuais eu já vi pessoas traduzindo a mesma palavra em grego e ela se refere a homosexualismo

    ResponderExcluir
  10. A Paz do SENHOR para todos os irmãos em Cristo.
    Alexandre conheci seu blog hoje e me interessou bastante pois traz para dentro do conhecimento históricos como filosófico algumas questões polêmica, fiz uma postagem sobre a matéria que se refere aos eunucos e gostaria de me pronunciar também sobre SODOMIA.
    Não diferente a outras palavras como Prostituição, Fornicação etc... a palavra Sodomia com o tempo foi adquirindo conotação de sexo homossexual. Sabemos que na Época de Abraão essa palavra ainda não existia, pelo menos não com essa conotação pois Sodomitas era apenas os habitantes de Sodoma. O texto em Gênesis que faz referencia a destruição dessa cidade (Gênesis 18:20-21) não fala sobre homossexualidade, embora que o texto a seguir faça menção a essa pratica com a expressão (conhecer). Podemos até dizer que o sexo homossexual estivesse englobado nos pecados cometidos por essa cidade devido a expresão (conhecer)dita pelos habitantes de Sodoma, mas com certeza não era o único. Contudo se fizermos um estudo mais profundo veremos também que o termo "conhecer" sofreu influencia com o passar do tempo.Enfim em se tratando da etimologia dessas palavras (não só SODOMIA mas também prostituição, fornicação etc)historicamente fica difícil afirmar um ponto, Contudo, relembro que a salvação é assunto extremamente serio, e se o Espírito lhe condena é melhor não faze-lo, quando se tem entendimento e tentamos modificar o que vemos para defender nossa teoria torna-se perigoso, e na Dúvida prefiro ficar com a visão de nossos antepassados .
    Um forte abraço

    ResponderExcluir
  11. As palavras efeminado e sodomita apresentadas no texto de 1 Co. 6.9 são uma expressa condenação do Senhor sobre duas formas diferentes de praticar o mesmo pecado.

    A PRIMEIRA se traduz corriqueiramente por Efeminado. ‘Malakos’, do grego mole, macio, suave e efeminado, era usada para se referir aos homens que eram passivos nas relações sexuais com outros homens. A idéia de suave, mole e etc, era pelo fato de esses homens terem a atitude usual da mulher na relação sexual com outros homens. Nos nossos dias a melhor tradução para esse termo seria “homossexuais passivos”, esses não herdarão o reino dos céus.

    A SEGUNDA se traduz por sodomita. ‘Arsevókoitês’, do grego sodomita, pederasta, homossexual. Esse termo é a junção de duas outras palavras gregas: ‘Arse’, que quer dizer macho; e, ‘koitê’, que quer dizer leito nupcial, relação sexual, coito. Seria aquele que faz sexo com outro homem, ou ainda, aquele que é ativo na relação homossexual. Em outras palavras é o “homossexual ativo”, esses, também, não herdarão o reino dos céus.
    Isso significa, que tanto aquele que é ATIVO quanto o que é PASSIVO estão pecando e sendo, assim, indignos do reino dos céus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Leonardo Mota. Tudo bem?

      Obrigado por sua participação em nosso blog. De fato, as traduções mais comuns para essas duas palavras são, efeminados e sodomitas. Entretanto, o fato de serem mais comuns não significa que sejam exatas.

      As traduções atuais para essas duas palavras variam muito (apenas a NVI apoia suas colocações).

      Apenas uma reflexão: em 1 timóteo 1.10, Paulo cita apenas os arsenokoitai (não cita malakos). Se essas duas palavras são complementares, como sugere sua posição e a tradução da NVI, então neste texto apenas os homossexuais ativos são condenados. Tal palavra é muito rara, Paulo só a usou 2 vezes, isso mostra que não era uma palavra polissêmica.

      De qualquer forma, se tomarmos a língua portuguesa padrão, esse versículo também condena heterossexuais que praticam o sexo anal, afinal, isso também é sodomia. Ou seja, é um anacronismo que muitos eruditos já estão tratando de corrigir.

      Por favor, leia nosso outro artigo: "Efeminados e sodomitas: quem são eles?". Creio que esclarecerão alguns pontos.

      Um forte abraço e volte sempre!

      Fica com Deus,

      Pr. Alexandre Feitosa

      Excluir
  12. Os verdadeiros sodomitas são todos aqueles que usam de seus privilégios para retirar os direitos de todos os que ocupam lhe o caminho. Como pode o amor em qualquer vertente ser pior do que este ódio mascarado que eles intitulam doutrina? Eles não veem o quanto isso é contraditório? Ou agem de má-fé abusando da ignorância alheia para disseminar o separatismo, e assim lucrar vendendo lugares ao "céu".

    ResponderExcluir
  13. O que você mim diz de Levítico 20.13: “Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles”.

    ResponderExcluir
  14. Caro anônimo. A paz do Senhor.

    Leia o seguinte artigo e terá a resposta de sua pergunta:

    http://teologiaeinclusao.blogspot.com.br/2011/08/conversa-franca-sobre-levitico.html

    Deus te abençoe.

    Abraços.

    Pr. Alexandre Feitosa

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...